Identification of Health Disorders a Prison Population

Authors

  • Daniel Cândido de Lima
  • Ana Eloísa Cruz de Oliveira
  • Ericka Silva Holmes Federal University of Paraíba - Brazil.
  • Bento Forte de Oliveira Neto
  • Priscilla Evelly Moreira Brito
  • Lívia Menezes Borralho
  • Bueno Callou Bernardo de Oliveira
  • Tattiana Dias de Carvalho
  • Ana Rita Bizerra do Nascimento Ribeiro
  • Rafaela Jeane Pereira Cunha
  • João Agnaldo do Nascimento

DOI:

https://doi.org/10.3823/2152

Keywords:

Health - Prison System; Prison Population; Health Profile; Public Health, Health - prison system, Prison population, Health profile, Public health.

Abstract

Objectives: to identify the main health problems of the prison population, describe the sociodemographic and health of convicts profile; point the main complaints and more frequent pathologies. Method: exploratory, descriptive, quantitative and qualitative, held in a maximum security prison. The study sample was composed of 63 convicts, which answer a semi-structured form. For the analysis, there was the simple descriptive statistics and discourse analysis of the collective subject. Results: the prison population is young, with low educational level and family income, present as the main pathologies skin disorders, respiratory disorders, gastrointestinal, cardiovascular, and infectious diseases. Final considerations are numerous health problems presented by the detainees, as well as their complaints ranging from lack of medical care and other health professionals, to the unsanitary conditions in which live, and picture of state failure and the competent bodies.

Author Biography

Ericka Silva Holmes, Federal University of Paraíba - Brazil.

PhD student in Decision Models and Health at the Federal University of Paraíba - Brazil.

References

Wolff M P. Antologias de vidas e histórias na prisão: emergência e injunção de controle social [tese de doutorado]. Espanha: Programa de Doctorado em Derechos Humanos e Liberdades Fundamentales; 2002.

Guimarães CF, Meneghel SN, Zwetsch BE, Silva LB, Grano MS, Siqueira TP, et al. Homens apenados e mulheres presas: estudo sobre mulheres de presos. Psicologia e Sociedade; 2006 (sep/dec); 18.

BRASIL. Ministério da Justiça. Departamento Penitenciário Nacional. Levantamento Nacional de Informações Penitenciárias INFOPEN. Junho de 2014.

BRASIL. Ministério da Saúde. Portaria nº 240, de 31 de janeiro de 2007. Brasília, 2007.

Divinews. Maioria da população carcerária no Brasil tem menos de 24 anos. Reportagem do dia 21 de maio de 2009 [Cited 2010 June 01] Available from: http://beta.divinews.com/brasil/54-geral/924-maioria-da-populacao-carceraria-no-brasil-tem-menos-de-24-anos.html.

Pará. Defensoria Pública do Estado. Perfil dos presos no Brasil, DEPEN - 2010. Portal JusBrasil. 2010 abr 05. [cited 2012 June 08] Available from: http://www.jusbrasil.com.br/

Dassi MALM. A Pena de Prisão e a Realidade Carcerária Brasileira: Uma Análise Crítica. [dissertação]. Marília: Centro Universitário Eurípides de Marília – UNIVEM; 2007.

Jornal Correio. Criminalidade cresce oito vezes mais que a população, na Paraíba. 2008 maio 31; [cited 2012 May 31] Available from: http://www.clickpb.com.br/.

Assis RD. A realidade atual do Sistema Penitenciário Brasileiro. [monografia][internet]. Faculdade Metropolitana IESB (Instituto de Educação Superior de Brasília; 2001.[cited 2010 June 01]. Available from: http:/br.monografias.com/trabalhos908/a-realidade-atual/a-realidade-atual.shtml

Heukelbach J, Oliveira FASDe, Feldmeier H. Ectoparasitoses e saúde pública no Brasil: desafios para controle. Cad. Saúde Pública, 2003; 19 (5).

Nossa Casa. Assistência os presos: Denúncia feita pelos presos da Cadeia Pública de Leopoldina-MG. 2009 out 17. [cited 2012 May 31]. Available from: http://www.nossacasa.net/recomeco/0076.htm.

Sánchez AR, Massari V, Gerhart G, Barreto AW, Cesconi V, Pires J, et al. A tuberculose nas prisões do Rio de Janeiro, Brasil: uma urgência de saúde pública. Cad. Saúde Pública; 2007; 23(3): 545-552.

- Miranda AE, Zago, AM. Prevalência de infecção pelo HIV e sífilis em sistema correcional para adolescentes. Jorn bras de Doenças Sexualmente Transmissíveis. 2001; 13(4):35-39.

Brasil. Ministério da Saúde. Programa Nacional de Atenção Integral à Saúde do Homem. Brasília, 2008.

Carvalho ML, Valente JG, Assis SG, Vasconcelos, AGG. Perfil dos Internos no Sistema Prisional do Rio de Janeiro: Especificidades de Gênero no Processo de Exclusão Social. Ciên. Saúde Coletiva, 2006 april-june; 11(02).

Kuehne M. Privatização dos presídios. Rev. Cej; 2001; 15: 12-29.

Lima M. Visita íntima à intimidade da mulher: a mulher no sistema prisional [dissertação de mestrado]. São Paulo: Faculdade de Saúde Pública a USP; 2006.

Mattedi JC. Alerta para surto de tuberculose em presídios. 2007 jul 08; [cited 2012 Jul 28] Available from: http://www.direitos.org.br.

Oliveira HC, et al. Assistência a saúde à mulher presa: um direito negado. In: Anais do II Seminário Nacional: gênero e práticas culturais - Culturas leituras e representações, 2009; Natal: Rio Grande do Norte: UFRN/UNIP.

Amoy RA, Kury CMH, Silva RAC. Implicações Jurídicas da AIDS no Direito Penitenciário Brasileiro [monografia]. Campos dos Goytacazes: Faculdade de Direito de Campos; 2007.

Pastoral Carcerária Nacional/CNBB. Relatório sobre mulheres encarceradas no Brasil. São Paulo: Ãtica; 2007.

Pastoral Carcerária Nacional/CNBB. Pena de morte ilegal e extrajudicial. São Paulo: Ãtica; 2005.

Downloads

Published

2016-11-13

Issue

Section

Global Health & Health Policy

Most read articles by the same author(s)

<< < 1 2